• Histórias Estranhas
  • A Quarta Dimensão
  • Adolpho Werneck - Vida e Obra
  • Arquivos de Guerra

24 de maio de 2010

Até o momento (2)

Trabalhei para terminar os quatro contos que concluíram o livro: "Controle Remoto", "Mulheres e Crianças Primeiro", "Ouroboros" e "Entre Segundos". Um total de 15 contos, 160 páginas em A4. A ordem para os contos parecia evidente: ficariam organizados na ordem cronológica, considerando a época em que são ambientados. Os contos e sua ordem são:

   1. Espelhos da Alma
   2. Beijo de Ópio
   3. Primeiro-Tenente
   4. Ouroboros
   5. Carolina de Óculos
   6. Entre Segundos
   7. Saudações do Futuro
   8. Parafuso Frouxo
   9. Mulheres e Crianças Primeiro
  10. A Maçã Elétrica
  11. Futuro Seguro
  12. Na Linha de Montagem
  13. Controle Remoto
  14. Planeta Asfalto
  15. A Água de Croma

Enquanto os escrevia, e antecipando uma publicação futura, passei os textos para amigos lerem, darem opiniões e apontarem erros. Fiz isso várias vezes, para várias pessoas, tendo como principal objetivo não me concentrar nas opiniões de uma ou outra pessoa. Apesar das diversas colaborações, havia feito a mesma coisa para o primeiro livro, e inclusive contado apenas com isso como revisão de texto, o que foi um engano. Há pessoas que se concentram na gramática e ortografia e não analisam a construção, coesão e coerência, e vice-versa. Há aqueles que deixam seus próprios gostos e opiniões contaminarem a análise, e deixam de indicar elementos que o autor poderia corrigir. O melhor a fazer é submeter seu texto a alguém que saiba ver o texto imparcialmente em sua totalidade e além, ou seja, que analise não apenas o uso da língua, mas também o desenvolvimento da narrativa, a adequação do tema, o tratamento da ambientação e dos elementos da história, o ritmo, o objetivo da narração, e quaisquer outros fatores que levem à apreciação da história conforme pretendido pelo autor.

Mas não acredito que seja suficiente o conhecimento da língua e de produção de textos. Acredito que haja um elemento criativo que só pode ser bem compreendido por alguém que já tenha produzido textos, e que saiba o que é sucesso ou frustração em relação ao objetivo do texto. É algo que um leitor não compreende, assim como um ouvinte não percebe tudo o que alguém lhe relate, porque envolve coisas que o autor não está pondo no texto, mas que ainda assim o influencia.

Após ter feito uma última revisão própria do texto completo do livro, e ter ficado satisfeito com os títulos dos contos e questões de formatação, procurei alguém que pudesse revisar o texto, que atendesse aos critérios que descrevi acima. Apresentarei mais detalhes conforme os resultados.

1 comentários:

Blog do Beto Lemela

Eduardo, vou segui-lo por dois motivos: Você escreve de uma maneira gostosa de ler e até com segundas intenções da minha parte, também estou escrevendo e acompanhando o seu trabalho e experiencias, talvez consiga inspiração para o meu. Um grande abraço. Beto Lemela

Comente...